Sábado, 31 de Maio de 2008

Fotos de Viagens - Arronches/Elvas/Badajoz/Olivença/Mourão

.

Diário (fotográfico) de Bordo

.

Fotos de Viagens - Arronches/Elvas/Olivença/Mourão

.

Arronches :

.

Elvas :

Badajoz :

Olivença :

 Igreja/Castelo de Mourão :

 

publicado por picareta escribante às 19:20
link | comentar | favorito
Sexta-feira, 30 de Maio de 2008

Fotos de Viagens - Estremoz

Diário (fotográfico) de Bordo

.

Fotos de Viagens - Estremoz :

.

.

 

.

.

.

 

publicado por picareta escribante às 21:28
link | comentar | favorito
Quinta-feira, 29 de Maio de 2008

Fotos de Viagens - Redondo

.

Diário (fotográfico) de Bordo

.

Fotos de Viagens - Redondo :

.

Festas de 2007 :

.

.

.

.

NelitOlivas

publicado por picareta escribante às 21:21
link | comentar | favorito
Quarta-feira, 28 de Maio de 2008

Fotos de Viagens - Portalegre/Castelo de Vide/Marvão/Mérida

.

Diário (fotográfico) de Bordo

.

Fotos de Viagens - Portalegre/Castelo Novo :

.

.

.

.

Castelo de Vide :

.

Marvão :

.

Mérida :

.

publicado por picareta escribante às 21:28
link | comentar | favorito
Terça-feira, 27 de Maio de 2008

Fotos de Viagens - Pavia/Avis

.

Diário (fotográfico) de Bordo

.

Fotos de Viagens - Pavia/Avis :

.

Pavia - Anta-capela :

Avis - Vila :

.

.

Albufeira do Maranhão :

Cooperativa Agrícola :

 .

publicado por picareta escribante às 20:39
link | comentar | favorito

Fotos de Viagens - Santarém/Coruche

.

Diário (fotográfico) de Bordo

.

Fotos de Viagens - Santarém/Coruche

.

Santarém - vista geral :

Coruche - mirante :

 

.

publicado por picareta escribante às 08:00
link | comentar | favorito
Domingo, 25 de Maio de 2008

Manuel Fragoso

 

.

.

Como se pode verificar por esta Biografia, publicada na contra-capa do livro que acabámos de divulgar, muitas mais Obras existem deste Autor, para além das três que se encontram publicadas. Mas a essas (embora eu tenha dactilografado muitas delas para entrega em Arquivos, visto que não aceitavam manuscritos) perdeu-se-lhes, infelizmente o rasto (pois, os originais extraviaram-se, e os duplicados foram deitados para o lixo, por quem lhe esvaziou a casa).

.

O extravio dos originais deve ter tido a ver com a perseguição-política de que foi alvo pois, desde que foi conotado pela Pide como Democrata opositor ao Regime, muitas portas se lhe fecharam : Durante muito tempo, viu obras suas representadas nos principais Teatros do País e Peças seleccionadas para o Teatro-radiofónico, da  Campanha-de-Alfabetização da antiga Emissora Nacional. A partir de determinada altura, deixaram de lhas aceitar sem qualquer justificação; E, até mesmo este D. Jaime, só conseguiu ganhar o 1º Prémio do Concurso do SNI, porque foi apresentado sob pseudónimo.

 

Mas muito  se tem aqui escrito sobre as facetas de Viajante (tinha uma enorme colecção de postais-ilustrados, que enviara de todo o Mundo e que, infelizmente, também se perdeu), de Político e de Autor, de Manuel Fragoso.

 

Gostaria hoje, no final desta singela Homenagem que lhe tenho vindo a prestar, de referir a sua faceta Privada :

- Só não foi meu Padrinho de baptismo porque não era religioso (não no aspecto de não acreditar num Deus, mas de não confiar nos seus "representantes" terrenos).

Mas, mais tarde numa cerimónia-civil, acabou por me apadrinhar :

(Em 1970, no Jardim da Pç. da Armada - Lisboa)

- Todos os anos eu ia, com sua Família, passar os 3 meses de Férias-de-Verão em casa de uns cunhados seus, que residiam em Évora; E ele, como não tinha férias tão prolongadas, ficava sozinho em Lisboa. Quando as suas Férias finalmente chegavam, em primeiro lugar ia fazer a sua Viagem-anual pelo Estrangeiro (com os rendimentos-extras que angariava ccom as suas actividades intelectuais);  finda esta, ia juntar-se connosco a Évora (e trazia-me sempre brinquedos e doces, completamente desconhecidos neste País, então ainda muito mais atrasado).

Algumas vezes, como meu Encarregado-de-Educação, teve que adiar as suas viagens, para tratar das minhas matrículas-escolares.

Sempre me ajudou nos estudos, principalmente no Francês, em que era especialista. Ele e sua filha - minha Madrinha- (que era mais especialista em acompanhar-me nos ditados e redacções), foram os "culpados" pelo gosto que ganhei pela Escrita.

Mais tarde tentei compensá-lo, levando-o a visitar Locais onde já não conseguia ir sozinho :

(Em 1976, no jardim de Montemor-o-Novo, numa última visita à sua terra-natal)

.

Observação :

É de lamentar que naquela Cidade-alentejana, não exista um busto, uma Rua ou, sequer, uma referência sua no Museu-Municipal. Será que tem assim tantos filhos-ilustres, que  pode dar-se ao luxo de ignorar este seu vulto da Política e das Artes ?

.

Nota da Redacção :

Finda a publicação do Drama "D. Jaime de Bragança", vão regressar a este Blog as "Fotos de Viagens".

.

Picareta Escribante

publicado por picareta escribante às 20:09
link | comentar | favorito
Sábado, 24 de Maio de 2008

Bastidores

.

Assisti várias vezes a esta Peça, no Teatro da Trindade, mas sempre nos bastidores.

E adorava cada representação, porque eram dois espectáculos num só : É que, por detrás do Palco, há toda uma vasta e interessante equipa a trabalhar :

- Carpinteiro(s) de cena - montam e desmontam os cenários

- Electricista de cena - encarrega-se da manutenção e orientação das luzes de palco.

- Costureira - confecciona e repara os trajes de cena; ajuda as actrizes a vestirem-nos.

- Maquilhadora(s) - transformam os Actores nas Personagens.

- Bombeiros - estão sempre a postos para extinguirem qualquer foco de incêndio (muitas Peças de época exigem velas, lamparinas, candeeiros a petróleo, tochas, lareiras e até fogueiras; e como os materiais dos cenários são altamente inflamáveis qualquer pequeno descuido pode ocasionar um grave incêndio; por isso, maior parte dos teatros estão equipados com cortinas e portas corta-fogo).

- Ponto - sopra as deixas aos Actores; por vezes, nas Comédias/Revis- tas, também se encarrega de cronometrar o tempo de gargalhadas que o público dá em cada sessão.

- Técnico de luminotecnia - controla uma consola onde estão centraliza- das todas as luzes de palco; consegue, com elas, criar efeitos de nascer e pôr do Sol, de incêndios, etc.

- Técnico de sonoplastia - encarrega-se dos efeitos sonoros.

- Técnico de efeitos-especiais - acciona fumos, cabos, alçapões, eleva- dores, etc.

- Contra-regra - É o Maestro : assegura-se de que os Actores estão prontos para entrarem em cena e que todos os adereços estão em palco; bate as pancadas de Moliére; dá as indicações necessárias e atempadas a todos os intervenientes, inclusivamente o número de vezes que o pano de boca deve abrir e fechar, para os aplausos finais.

.

(E antes destes ainda lá estiveram o Estilista - que idealiza os trajes de cena-, o Cenógrafo -que idealiza os cenários, chegando a fazer maquetes-, o Ensaiador - que prepara os Actores para as deixas e lhes marca as posições-, O Aderecista/Decorador - que se encarrega de recolher todo o mobiliário e utensílios necessários à representação-, Consultores diversos - sobre os trajes, as músicas, os instrumentos, as armas e os adereços que se usavam na Época- ,e todo um batalhão de carpinteiros, pintores, costureiras, etc.).

 .

Já me movimentava muito bem naquele meio (até ajudava nos "bruás" - de exclamação, aplausos, vaias, etc.), com que toda aquela gente, fazendo de Povo invisível, ajuda na representação. Como já conhecia a Peça de cor, posicionava-me sempre nos locais onde já sabia que ia decorrer melhor a acção (até, quando a Protagonista  arrancava os melhores desempenhos, lá estava eu no ângulo certo, para melhor admirá-los) - Ai, como era linda a D. Irene Cruz - acho que tive uma paixoneta platónica por ela (naquela altura eu apaixonava-me de 5 em 5 minutos) e fiquei muito zangado quando soube que ela tinha casado com o João Lourenço - olhava-me ao espelho e perguntava-lhe : espelho meu, o que é que aquele barbudo mal amanhado, terá a mais do que eu ?

.

Mas, o melhor de tudo, era o ambiente nos Camarins :

Antes do início da representação, existe todo o ritual da caracterização, das vestimentas, da interiorização das personagens, etc.. E a frase mil vezes ouvida, dos outros actores para os que entram primeiro em cena : Parte uma perna !

Nos intervalos era toda a azáfama de troca de impressões, de muda de vestimentas, etc.

(Nas Revistas, as Actrizes e Coristas nem tinham tempo de irem aos camarins mudar-se, pelo que o faziam, mesmo nos bastidores).

No final, eram as congratulações, a visita de admiradores para reco- lherem autógrafos, fotos e para oferecerem flores e chocolates (quando não, no caso de certas coristas das Revistas,  peles e jóias).

Mas, por detrás de tudo isto, está o trabalho que acabaram de apreciar : o do Autor-Teatral.

Que, a partir do nada, constrói toda uma trama de ambientes e personagens, que se encontram, desencontram e reencontram para, ao longo de poucas horas, contarem histórias de vidas, num reduzido cenário, sem poucas nem demasiadas palavras, muitas vezes com um final perfeitamente surpreendente.

Picareta Escribante

 

 

publicado por picareta escribante às 20:55
link | comentar | favorito
Sexta-feira, 23 de Maio de 2008

D. Jaime de Bragança - 3º Acto X

.

 

                                          F      I       M

.

AVISO :

.

A publicação deste texto destina-se, apenas, a divulgar a Obra do Autor - Manuel Fragoso. Para representação, adaptação ou transcrição desta Peça, deverá ser contactada a : Sociedade Portuguesa de Autores.

 

 

publicado por picareta escribante às 20:27
link | comentar | favorito
Quinta-feira, 22 de Maio de 2008

D. Jaime de Bragança - 3º Acto IX

.

.

AVISO :

.

A publicação deste texto destina-se, apenas, a divulgar a Obra do Autor - Manuel Fragoso. Para representação, adaptação ou transcrição desta Peça, deverá ser contactada a : Sociedade Portuguesa de Autores.

 

 

publicado por picareta escribante às 20:00
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

14
17


29
30
31


.posts recentes

. Quiz XLVIII

. Quiz XLVII

. Quiz XLVI

. Quiz XLV

. Quiz LIV

. Quiz LIII

. Quiz LII

. Quiz LI

. Quiz L

. Quiz XLIX

.arquivos

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub